Pagina Principal Artigos Novo Caderno DRS trata da vulnerabilidade costeira e pesca artesanal no Espírito Santo

Novo Caderno DRS trata da vulnerabilidade costeira e pesca artesanal no Espírito Santo

DRS

Foi publicado na última sexta-feira (10) o sétimo fascículo da série Cadernos DRS, já disponível no site do Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN). O documento traz uma compilação de informações sobre a vulnerabilidade costeira e pesca artesanal no Espírito Santo. Os Cadernos DRS fazem parte do Projeto de Pesquisa Desenvolvimento Regional Sustentável do Estado, que busca apresentar os diagnósticos integrados que atuarão como insumos para a elaboração do Plano de Desenvolvimento Regional Sustentável do Espírito Santo (DRS-ES).

A costa capixaba possui pouco mais de 400 quilômetros de comprimento, abrangendo 14 municípios. Nessa área, residem cerca de 2,1 milhões de habitantes, o que representa mais da metade da população do Estado. Segundo o estudo, essa constatação classifica a zona costeira capixaba como um local que sofre grande pressão, principalmente pelo aumento da densidade populacional e pelos múltiplos usos que se desenvolvem.

Nas áreas urbanizadas, além das influências naturais e cíclicas desse sistema, os impactos ocorrem principalmente pelo uso e ocupação irregular dos espaços, com o desrespeito das faixas naturais de mobilidade exigidas pelos ambientes costeiros. O resultado são mudanças e danos permanentes, causando tanto o desequilíbrio natural quanto prejuízos econômicos.

A pesquisa aponta para a necessidade do conhecimento da dinâmica litorânea e o posterior estabelecimento de uma zona de proteção costeira, passos importantes para uma gestão eficaz. A proposta é de que os dados obtidos permitam oferecer subsídios aos tomadores de decisões para a formulação de políticas públicas adequadas e medidas de mitigação aos potenciais riscos.

Divido em quatro seções, o documento traz informações sobre o background geomorfológico e oceanográfico do Estado de modo geral, além de abordar temas importantes como a erosão costeira, o potencial de inundação da área litorânea e a pesca artesanal, importante atividade econômica e de subsistência, presente em todos os municípios do litoral capixaba.

Para conferir o estudo completo e os demais Cadernos DRS já publicados, clique aqui.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do IJSN
Eduardo Rabello
(27) 3636-8066 / 99892-5291
comunicacao@ijsn.es.gov.br