Pagina Principal Artigos Atividade de serviços é destaque no PIB dos municípios do ES em 2017

Atividade de serviços é destaque no PIB dos municípios do ES em 2017

Indicadores podem ser acessados em painel interativo no site do IJSN.

PIB municipal 2017 4

A atividade de serviços é o destaque na economia de 53 dos 78 municípios capixabas em 2017, se comparado ao ano anterior. O dado compõe o relatório “Produto Interno Bruto (PIB) dos Municípios do Espírito Santo – 2017”, divulgado nesta sexta-feira (13) pelo Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN).

A publicação apresenta os dados oficiais referentes ao PIB dos municípios capixabas, calculados em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na ocasião, o IJSN lançou ainda um painel de indicadores interativo, no qual é possível personalizar os filtros de buscas, acessar indicadores regionalizados, séries históricas, além de fazer comparações entre municípios ou microrregiões.

O Produto Interno Bruto do Espírito Santo apresentou variação de +0,5% em termos reais, em comparação com 2016. Em valores correntes, o resultado alcançado foi de R$ 113,4 bilhões. Em termos de PIB per capita, a taxa real foi -0,6%, com o valor de R$ 28.222,56.

O setor terciário é o maior setor da economia estadual e engloba as atividades de ServiçosComércio Administração, defesa, educação e saúde públicas e seguridade social (APU). Treze municípios de diferentes microrregiões do Estado (Vitória, Serra, Vila Velha, Cariacica, Cachoeiro de Itapemirim, Linhares, Colatina, Aracruz, Guarapari, São Mateus, Viana, Itapemirim e Presidente Kennedy) encontram-se na faixa com os maiores valores adicionados no setor terciário (faixa acima de R$ 1 bilhão). Juntos, estes municípios concentram 78,9% da produção do setor.

Já o setor secundárioque tem o segundo maior peso na estrutura do PIB capixaba, está concentrado (68,2%) em apenas sete municípios (Serra, Aracruz, Presidente Kennedy, Vitória, Itapemirim, Linhares e Vila Velha), sendo três pertencentes à Região Metropolitana, dois do Litoral Sul e dois na microrregião Rio Doce. O setor secundário é composto pelas atividades da Indústria Extrativa, de Transformação, Construção Civil e Geração e distribuição de eletricidade e gás, água, esgoto e limpeza urbana (SIUP).

Por outro lado, o setor Primário, que engloba as atividades agrícolas, pecuária, silvicultura e extrativa vegetal, pesca e aquicultura, está pulverizado no território capixaba. Os representantes de maior expressão do setor estão nas regiões Central Serrana e Rio Doce. Santa Maria de Jetibá (com a criação de aves) e Linhares (com produção de café, mamão, cacau, cana-de-açúcar, banana e coco-da-baía) centralizaram os maiores valores adicionados do setor.

Em relação ao PIB per capita, que fornece uma medida do que foi produzido em determinado município em relação a cada habitante, apenas oito municípios superaram o PIB per capita estadual em 2017 (R$ 28.222,56). São eles: Vitória, Serra, Aracruz, Linhares, Santa Maria de Jetibá, Itapemirim, Marataízes e Presidente Kennedy.

 

PIB municipal 2017 1Divisão regional

No recorte das microrregiões, entre os anos de 2008 e 2017, os dados apresentam perda de participação das regiões localizadas na faixa litorânea em detrimento do interior do Estado. Considerando o peso na estrutura do PIB Estadual, a maior retração foi na Região Metropolitana, com 60,4% de participação em 2008 e 55,1% em 2017. Seguida pela microrregião Rio Doce (12,2% em 2008 e 10,8 em 2017); e Litoral Sul, de 9,2% para 9,1%, respectivamente. Esse comportamento foi influenciado, especialmente, pelo movimento da indústria extrativa.

Por outro lado, apresentaram expansão na participação no PIB capixaba as microrregiões “Centro-Oeste, com variação de 3,6% em 2008 para 5,3% em 2017; Central Sul (4,7% em 2008 e 6,3% em 2017); Central Serrana (1,2% em 2008 e 2,2% em 2017); Caparaó (1,6% e 2,5%, respectivamente); e Sudoeste Serrana (1,5% e 2,4%)”. As demais regiões totalizaram 6,3% de participação.

 

PIB municipal 2017 3Painel interativo

Em conjunto com o relatório, o IJSN lançou um painel de indicadores interativo contendo os dados do PIB dos Municípios do Espírito Santo, disponível online no site do IJSN (ACESSE AQUI). A ferramenta garante maior autonomia na manipulação dos dados por pesquisadores, estudantes e pela população capixaba.

Na página na internet, é possível filtrar os dados por município, microrregião ou fazer comparações diversas e criar séries históricas entre os anos de 2002 e 2017.


Acesse o relatório “Produto Interno Bruto (PIB) dos Municípios do Espírito Santo – 2017”:

 


Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do IJSN
Larissa Linhalis
(27) 3636-8066 / 99892-5291
comunicacao@ijsn.es.gov.br