IPCA da Região Metropolitana de Vitória tem acréscimo de 4,19% em 2018

IPCA3Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA) na Região Metropolitana da Grande Vitória (RMGV) teve acréscimo de 4,19% no acumulado do ano de 2018, acima do observado para o Brasil (+3,75%), terceira maior variação entre as dezesseis áreas pesquisadas. 

Nessa base de comparação, os maiores aumentos de preços ocorreram nos grupos Educação (+6,04%), Transportes (+5,94%), Artigos de residência (+5,19%) e Alimentação e bebidas (+4,95%). 

No mês de dezembro de 2018, o IPCA permaneceu praticamente estável, com deflação de -0,01%. A principal contribuição originou-se do grupo Habitação (-1,66%) – terceiro maior peso na composição do índice –, cuja redução foi determinada pela retração de -6,98% nos custos de energia elétrica residencial. 

Já a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) na RMGV exibiu alta de +3,96% no acumulado de 2018, patamar também acima da média nacional (+3,43%). Neste caso, os grupos com maiores variações no período foram: Educação (+6,71%), Alimentação e bebidas (+5,53%), Artigos de residência (+5,50%), Transportes (+5,30%) e Habitação (+4,90%). 

 

Para acessar a íntegra da resenha, clique aqui. 

 

 

Informações à imprensa: 

Assessoria de Comunicação do Instituto Jones dos Santos Neves – IJSN 

Larissa Linhalis 

(27) 3636-8066 / (27) 99892-5291 

comunicacao@ijsn.es.gov.br