Dados preliminares de comércio exterior - Maio de 2017

Comercio Exterior Carlos Eugenio Alves Em maio de 2017 o comércio exterior, brasileiro e capixaba, apresentaram recuperações. Na comparação com o mês anterior, as exportações capixabas cresceram +13,35% e as importações +18,92. Na comparação com maio de 2016 e no acumulado do ano (janeiro a maio), as recuperações foram ainda mais intensas: +20,73% de crescimento das exportações e +38,97 nas importações capixabas na comparação interanual. No acumulado do ano, as variações foram de +25,68% para as exportações capixabas e +17,18% para as importações, frente ao acumulado dos cinco primeiros meses de 2016 (Tabela 1 e 2; e Gráfico 1).

O comércio exterior brasileiro seguiu a mesma tendência: foram +11,94% nas exportações frente ao mês anterior, +12,66% frente a maio de 2016 e +19,61% no acumulado de janeiro a maio de 2017 frente ao mesmo período de 2016. As importações apresentaram crescimentos de +13,19% frente ao mês anterior, +8,93% na comparação com maio de 2016 e +9,42% no acumulado do ano (Tabelas 1 e 2; e Gráfico 2).

Já no acumulado de 12 meses, enquanto as exportações brasileiras registraram crescimento de +5,11%, as importações apresentaram queda de -3,81%, o que segurou o crescimento da corrente de comércio do período, que ficou em +1,20%. (Tabela 2 e Gráfico 4).

No caso do Espírito Santo, o acumulado dos 12 meses resultou em queda para todas as variáveis: -10,71% nas exportações e -8,14% nas importações, o que levou à queda de -9,81% na corrente de comércio (Tabela 2 e Gráfico 3).

Resultado preliminar da balanca comercial de Maio 2017