Boletim da Educação - 4º Trimestre de 2016

Boletim Educacao Entre o terceiro e quarto trimestre de 2016, no Espírito Santo, o analfabetismo das crianças entre 7 e 9 anos foi reduzido de 5,8% para 5,2%. Este número é maior que o da região Sudeste (3,6%) e menor que do Brasil (8,1%). A frequência escolar das crianças e jovens entre 6 e 14 anos segue com relativa estabilidade, ao contrário da tendência entre os jovens de 15 a 17 anos em que houve uma redução da frequência à escola nesta faixa de idade. No entanto, esta redução nos meses finais do ano, para a faixa etária de 15 a 17 anos, é comum, principalmente por conta do abandono. Com relação à alocação do tempo dos jovens entre 15 e 29 anos (899.512), no Espírito Santo, 11,2% (101.091) trabalhavam e estudavam; 37,4% (336.148) só trabalhavam; 26,0% (233.762) só estudavam e 25,4% (228.511) não trabalhavam e nem estudavam.