Dados preliminares de comércio exterior - Dezembro de 2016

Em dezembro de 2016, o resultado do comércio exterior capixaba foi de crescimento, em relação ao mês antecedente. As exportações atingiram US$ 717,67 milhões enquanto as importações somaram US$ 385,47 milhões, incrementos de +24,30% e +6,92%, respectivamente. Em relação a dezembro de 2015, todavia, as exportações capixabas apresentaram queda de -25,27%. As importações, todavia, cresceram +22,96%, nessa base de comparação (Gráficos 1 e Tabelas 1 e 2).
As exportações brasileiras de dezembro de 2016, apresentaram resultados de queda em todas as bases de comparação. Em relação ao mês anterior foram -1,70% e no comparativo interanual, a queda foi de -5,02%. As importações, ao contrário, cresceram +0,55% na comparação com novembro e +9,32% em relação a dezembro de 2015 (Gráficos 2 e Tabelas 1 e 2).
No acumulado no ano de 2016, as exportações capixabas somaram US$ 6,5 bilhões e as importações US$ 3,7 bilhões. Nesse ínterim, a corrente de comércio atingiu os US$ 10,2 bilhões e o saldo comercial US$ 2,8 bilhões. Em termos comparativos ao fechamento do ano de 2015, o resultado foi de queda de -33,56% nas exportações, -28,27% nas importações e -31,74% na corrente de comércio. O saldo comercial capixaba, que havia somado US$ 4,7 bilhões em 2015, apresentou redução de -US$1,9 bilhões em 2016 (Gráfico 3 e Tabela 2).
O resultado do comércio exterior brasileiro, acumulado no ano, também foi de redução nas exportações (-3,09%) e nas importações (-19,77%). Assim a corrente de comércio do país, que atingiu os US$ 322,8 bilhões em 2016, apresentou redução de -10,97% frente ao fechamento de 2015. Dado a queda nas importações superior à queda nas exportações, o saldo comercial do país apresentou incremento de +US$ 28,00 bilhões, frente ao ano anterior, alcançando a cifra de US$ 47,7 bilhões no fechamento de 2016 (Gráfico 4 e Tabela 2).

 

grafico1

tabela1

tabela2

grafico3