Violência contra crianças e adolescentes




O Relatório de pesquisa divide-se em nove seções.

 

  • A primeira seção apresenta os aspectos metodológicos do trabalho.
  • A segunda  abordada os aspectos histórico-culturais relevantes que estabelecem a condição da criança e do adolescente na família, na sociedade e no Estado, em especial o marco jurídico a que estão submetidos.
  • A terceira narra a criação da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente.
  • A quarta seção mostra as estatísticas criminais advindas dos Boletins de Ocorrência nos quatro anos pesquisados. Os dados são apresentados por tabelas e gráficos.
  • A quinta seção abrange as circunstâncias do crime, ou seja, as caraterísticas do fato.
  • A sexta seção apresenta as características da vítima.
  • A sétima apresenta as características do autor.
  • Na oitava seção são demonstrados os encaminhamentos  dados pela delegacia às denúncias das vítimas.
  • Na última parte são feitas as considerações finais acerca do trabalho realizado até o momento. O que ele inicialmente aponta é que a problemática da violência contra a criança e o adolescente tem característica multifacetada. Mitigá-la passa pela articulação de ações públicas envolvendo as áreas de saúde, educação, polícia, direitos humanos, cultura, trabalho e assistência social.

    Esperamos, com esta pesquisa, estimular os gestores públicos locais e nacionais e demais interessados a uma reflexão sobre o tema.


 

Anexos:
Fazer download deste arquivo (ViolenciaDPCA.pdf)ViolenciaDPCA.pdf
tamanho: 1.28 MB