Área de concentração de projetos

Os recursos financiam projetos da área de Saneamento Básico, a saber: 

Resíduos Sólidos – Implantar aterros sanitários licenciados, visando resolver a questão da destinação do lixo no município. Também poderá ser financiada a compra de caminhões apropriados para fazer a coleta e o transporte de lixo. Ressalta-se que, neste caso, o município terá de comprovar que o lixo recolhido no seu município destina-se a aterro sanitário devidamente licenciado.

Ainda dentro da proposta de resíduos sólidos, enquadram-se projetos de triagem e compostagem de lixo, mais conhecidos como “usinas de lixo”, bem como os relacionados à coleta seletiva e à reciclagem.

Esgoto – A concepção é promover o tratamento do esgoto e não apenas financiar redes coletoras. Para tanto, é imprescindível a instalação da Estação de Tratamento de Esgoto – ETE e em localidades menores a instalação de fossas sépticas e filtros anaeróbicos.

Água – Proporcionar o abastecimento de água tratada em comunidades que ainda não dispõem desse serviço, o qual é de fundamental importância para a saúde da população.